Na escassa messe da informação de qualidade publicada em nossa língua materna é sempre bem-vinda a que nos brinda com matéria de fato nutritiva aos mais sedentos de saber e conhecimento.
 

Neste livro, o autor, que se caracteriza pelo rigor quase obsessivo no trato de sua escritura, nos apresenta uma seleção de ensaios extraídos de sua mais recente lavra, cultivada na primeira dúzia de anos loucos deste novo século (ou milênio, se preferirem).
 

Numa sequência instigante, organizada cronologicamente, ele não só desafia o mainstream da mídia hegemônica como desembaralha a confusão instaurada pelos que buscam dominar os povos através do distanciamento destes de suas próprias realidades.
 

Unindo talento de escritor ao jornalismo estruturado em pensamento crítico, Sérvulo Siqueira nos entrega uma síntese analítica iluminadora de conspícuas regiões da História, em especial as que mais nos são obscurecidas pelos meios de propagação do engano.
 

É, portanto, substância enriquecedora de bibliotecas para estudiosos que – parafraseando o cantautor venezuelano Ali Primera – lutam para “ser humana a Humanidade”.


                                            Mario Drumond